Terça-feira, Junho 25Portal Comunica News

Alberto Fernández defendeu visita de Nicolás Maduro à Argentina: “A Venezuela faz parte da CELAC e está mais que convidado”

Em meio à polêmica, o presidente apoiou sua chegada e pediu que “os venezuelanos decidam entre os venezuelanos” sua situação institucional.

O Presidente da Argentina, Alberto Fernández concedeu uma entrevista ao jornal brasileiro Folha de S. Paulo por ocasião da visita do Presidente do Brasil, Lula da Silva, que manterá um encontro bilateral com Fernández e posteriormente participará na reunião da organização multilateral da região. Questionado sobre a polêmica desencadeada na oposição pela possível presença de Maduro no país – o governo espera que ele chegue nesta segunda -, Fernández justificou sua presença. “A Venezuela faz parte da CELAC e Maduro está mais que convidado . ” Nos últimos dias, a oposição saiu na encruzilhada da visita de Maduro.

Por sua vez, o ex-presidente Mauricio Macri publicou uma carta no Facebook na qual garantiu que se sente “envergonhado” pelo convite feito pelo governo aos presidentes Nicolás Maduro e Miguel Díaz-Canel . Enquanto isso, outro grupo de líderes da oposição fez fortes críticas às organizações de direitos humanos por seu silêncio antes da chegada de Maduro. O Governo aguarda a chegada de Maduro nesta segunda-feira para participar na terça-feira da reunião da CELAC da qual Alberto Fernández será o anfitrião por ter a presidência pro tempore do fórum.

Pistas sobre uma possível candidatura de Alberto Fernández

Fernández também foi questionado sobre seu futuro eleitoral e se será candidato a um segundo mandato. O chefe de Estado esclareceu que a única coisa que não quer é “que Macri volte a vencer”. “Macri ou qualquer um de seu círculo, Macri e o que ele representa, que é o oposto do que fizemos. Eles são todos Macri do outro lado”, disse ele.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *