Terça-feira, Junho 25Portal Comunica News

Defesa apresenta provas que podem inocentar jogador Daniel Alves

Advogado do já entregou o recurso para reverter a prisão preventiva.

Na última segunda-feira  foram apresentadas as 24 páginas do recurso pelo advogado de Daniel Alves, que pretende reverter a prisão preventiva decretada pela juíza a 20 de janeiro.

O jogador brasileiro é acusado de agredir e violar uma jovem de 23 anos numa discoteca em Barcelona, mas o advogado Cristóbal Martell questiona no seu recurso o relato da vítima com base nas imagens da discoteca, afiançando que a mulher entrou deliberadamente no banheiro atrás do jogador, não o deixando passar o encurralando entre a porta.

No mesmo documento, Cristóbal Martell explica que as imagens de vídeo das câmeras de segurança “desmentem de forma radical” a versão da vítima e não a mostram sob um clima de “terror, pavor ou dominação”.

O recurso apresentado, contém ainda mais detalhes daquela noite. “Nota-se a entrada da denunciante, da sua prima e da sua amiga. Durante 20 largos minutos observa-se cinco pessoas num ambiente lúdico e festivo que dista muito de um contexto ou cenário de “intimidação ambiental’”, explica o advogado no recurso.

A defesa explica que as imagens mostram Daniel Alves entrando sozinho no banheiro. “Observa-se como Daniel Alves se dirige para a esquerda e entra na porta do lavabo dois minutos depois a denunciante, após estar algum tempo conversando com suas duas amigas e um empregado, dirige-se àquela porta e entra, sem que Daniel Alves a deixasse passar ou lhe abrisse a porta. As imagens falam por si”. – Diz o advogado.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *