Quinta-feira, Junho 13Portal Comunica News

Projeto Social Joias – Transformando pelo Abraço e Promovendo a Vida é inaugurado em Mário Campos

Evento realizado no sábado, dia 11 de fevereiro, reuniu integrantes da Associação dos Artesãos e Produtores Caseiros de Mário Campos (AARTEMC), parceiros e amigos da cidade; inscrições para as atividades gratuitas de música, esportes, informática, artesanato e outras já estão abertas

O dia 11 de fevereiro foi marcado pelo encontro de amigos e parceiros da  Associação dos Artesãos e Produtores Caseiros de Mário Campos (AARTEMC)  para o lançamento oficial do Projeto Social Joias – Transformando pelo Abraço e Promovendo a Vida. Realizado na quadra da Escola Estadual de Mário Campos, o evento trouxe em sua mesa da apresentação, Mônica Reider, presidenta da AARTEMC, Elizangela Campos Silva, Cássia Rodrigues, Iagnes Reider, Cezar Rodrigues e Charles Reider, ambos coordenadores de núcleos de atividades sociais do projeto, e Andresa Aparecida Rocha Rodrigues, Vice-Presidente da Associação dos Familiares das Vítimas e Atingidos pelo Rompimento da Barragem em Brumadinho-MG (Avabrum), que falaram sobre a emoção de transformar um sonho em realidade. Agora, o projeto dará início às atividades gratuitas nas áreas de esportes, informática, artesanato e música para todos os moradores da cidade. Informações sobre as inscrições em breve pelo site: www.aartemc.com.br.

 

 
 

 

De acordo com Monica Reider, presidenta da Associação dos Artesãos de Mário Campos (AARTEMC), o Projeto Social Joias – Transformando pelo Abraço e Promovendo a Vida – já era um sonho bastante antigo e que se tornou uma realidade através da união e da solidariedade. “Este é um projeto que fizemos com muito carinho e que na verdade, já era um sonho antigo, construído durante vários anos por todos nós até chegar aqui. Agora vamos ter a oportunidade de realizar essas atividades sociais para todos os moradores da cidade, trazendo a chance que muitos procuravam de estudar música, artesanato, esportes e informática e o melhor, de forma totalmente gratuita. Agradeço a todas as pessoas que entraram com a gente nesse sonho fazendo ele se tornar uma realidade. Muito obrigado a todos pelo apoio e por acreditarem que é possível ajudar o próximo sempre”, disse.

Em seguida, Andresa Aparecida Rocha Rodrigues, Vice-Presidente da Associação dos Familiares de Vítimas e Atingidos pelo Rompimento da Barragem (Avabrum), pediu um minuto de silêncio por todas as vítimas. “É por todos os vitimados, incluindo as 20 joias Mariocampenses que estamos aqui. Sou membro do comitê gestor e estou aqui também para representar meu filho que foi vitimado e claro, para representar as 272 vítimas. Falamos de um projeto sério ao qual os seus recursos vieram através de muita luta e por isso, queremos que ele seja luz para todos, assim como o nome dele, que transforma vidas. Para fazer esse trabalho é preciso ter muito amor e carinho pelo próximo e vemos que essa é a chance de desempenhar algo pelos jovens e idosos. Parabéns a todos os envolvidos e que DEUS ilumine a todos. Essa é a real transformação pelo abraço”, salientou.

 

 
 

 

 

Já para Elizangêla Campos da Silva, Coordenadora Geral do Projeto Social Joias, é um momento importante, já que ver esse sonho tomando forma na cidade, é uma realização coletiva. “Quero agradecer a participação dos familiares que vieram nos prestigiar, agradecer às instituições parceiras e ao grupo que hoje está conosco para realizar esse sonho. É uma responsabilidade muito grande estar aqui, por isso, agradeço a todos os envolvidos pelo empenho, já que falamos de um projeto que vai durar um ano e quatro meses. Os cursos e as oficinas são gratuitos e todo o material será gratuito também. Além disso, as pessoas que forem fazer os cursos vão receber lanche e já os moradores que residirem em bairros mais distantes das aulas, terão transporte para ir e vir. O sucesso depende de cada um e por isso, estamos aqui de portas abertas para ajudar a todos”, completa.

Responsabilidade

De acordo com Cássia Rodrigues, Gestora e Coordenadora do Núcleo de Tecnologias do Projeto Social Joias, as atividades trazem uma responsabilidade muito grande, já que estarão ajudando pessoas a se qualificarem e a terem, também, uma chance de trabalho. “Estamos aqui com muito amor e total responsabilidade. Agradeço a todos que acreditaram e acreditam no projeto, pois não fui eu que escrevi esse projeto sozinha, esse projeto foi feito por todos e é nosso, por isso, espero que a comunidade o abrace e acolha com carinho e atenção. Lembrando que da minha parte, vamos atender a parte da informática, dando qualificação para todos as pessoas da cidade que precisem e que estão em busca de aprendizado, até para uma chance de trabalho. Obrigado pela presença e desejo boa sorte para todos nós nessa abençoada caminhada”, disse.

 

 
 

 

Para Iagnes Reider, Coordenadora do Núcleo de Artesanato do Projeto Social Joias, essa é a realização de um sonho, já que entregar esse trabalho foi uma alegria para todos que sempre se dedicaram ao próximo. “É muito gratificante poder apresentar o projeto para todos, pois, agora eu acredito que tudo dará certo! Da nossa parte no artesanato, vamos oferecer aulas de tapeçaria, bordado, crochê e outros. Espero atender da melhor maneira todos que vierem participar dos cursos. Aproveito a oportunidade para agradecer a Elizângela, pela sua ajuda e contribuição na construção desse lindo projeto, ou seja, desde o estatuto até a sua concepção para todos da cidade. É uma alegria o ver em andamento e podendo ajudar tantos Mariocampenses”, completou.

 

 
 

 

Para Charles Reider, Coordenador do Núcleo de Esporte e Saúde no Projeto Social Joias, o programa é uma ponte para a prática de esportes na cidade. “Primeiramente, gostaria de agradecer a DEUS e a todos por essa chance. É emocionante fazer parte de algo tão bonito e estar junto com todos esses profissionais nesse projeto. O que me deixa bastante alegre também, é que os professores que hoje estão dando aulas, são profissionais oriundos de projetos antigos de Mário Campos. Ou seja, muitos já foram alunos! Juntos vamos oferecer para os moradores da cidade aulas de basquete, handebol, zumba e dança, priorizando os idosos. Que todos nos abracem nesse momento, pois esse projeto é voltado para ajudar e apoiar todos os moradores da cidade”, salienta.

 

 
 

 

Cezar Rodrigues, Coordenador do Núcleo de Música do Projeto Social Joias, diz que essa é a oportunidade de ensinar e levar a música de uma forma mais abrangente para os moradores da cidade. “Gostaria de agradecer a AARTEMC e ao projeto pela oportunidade, já que ainda nos dias de hoje, o artista precisa ser mais valorizado. Sabemos que é necessário fazer um trabalho mais amplo para que mais pessoas tenham acesso a musicalização e por isso, vejo que através das oficinas de música, vamos conseguir formar profissionais que poderão replicar a música nos quatro cantos do Brasil. Nosso maior sonho é que, daqui alguns anos, músicos que começaram através do projeto, estejam em outras esferas, ensinando e se destacando no meio artístico. Agradeço a associação e o projeto por esse importante passo para a cidade”, conclui.

“Projeto realizado com recursos destinados pelo Comitê Gestor pago a título de indenização social pelo rompimento da Barragem em Brumadinho em 25/01/2019”

 

Confiram a música do Projeto Social Joias – Transformando pelo Abraço e Promovendo a Vida da Banda Town Mania

 
 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *