Quinta-feira, Junho 13Portal Comunica News

Enem: especialistas dão dicas de preparação para a semana da prova

Na reta final para o exame, SAS Plataforma de Educação reforça a importância da saúde física e mental dos estudantes

Com a proximidade do primeiro dia de prova do Enem (13), é normal que os alunos se sintam mentalmente exaustos, ansiosos e estressados. E não é para menos. O exame é, hoje, o principal passaporte de ingresso para as universidades públicas e privadas do país, com aceitação, inclusive, em instituições de ensino em Portugal. E a pressão para alcançar bons resultados pode afetar diretamente a qualidade do sono, a alimentação e a concentração nos estudos. Pensando nisso, o SAS Plataforma de Educação reuniu especialistas para trazerem algumas dicas e práticas de saúde mental e física nesta reta final que antecede o exame. 

 

  • Mantenha sua rotina de estudos

Estudar nesta última semana, segundo a psicóloga do Colégio Ari de Sá, Katiane Fernandes, não é contraindicado. No entanto, deve-se prestar atenção na maneira como isso está sendo feito. O aluno pode estudar, mas mantendo sua rotina normal ou adaptá-la para que seja mais flexível, sem sobrecarregar. Katiane ressalta que este não é o momento de querer aprender técnicas ou matérias novas, mas, sim, reforçar o que já se sabe. 

 

  • Faça atividades físicas

As saúdes física e mental são primordiais para se alcançar o êxito nas provas. Há diversas modalidades esportivas para quem deseja se movimentar. Basta o estudante escolher com a qual mais se identifica e que lhe dê mais prazer ao praticar.  Além disso, buscar métodos que auxiliem no relaxamento também pode ser interessante para quem está prestes a enfrentar uma maratona de provas. Aliado a isso, ter uma boa noite de sono ajuda no descanso e na memorização dos conteúdos. 

 

  • Opte por uma alimentação saudável

Manter uma alimentação adequada no dia da prova do Enem e, principalmente, nos dias que antecedem o exame não é bom apenas para o corpo, mas também para a mente. Por isso, é necessário respeitar os horários das refeições e fazer de cinco a seis refeições diárias. Optar por um cardápio saudável e balanceado é outro ponto importante. Para o dia da prova, uma boa opção para os estudantes é levar barras de cereais, frutas ou sanduíche natural. 

 

  • Saiba reconhecer e lidar com suas emoções

Este momento da preparação final pede todo o cuidado necessário para conseguir manter o foco do planejamento que se iniciou no começo do ano. Segundo Katiane, caso o estudante esteja se sentindo nervoso ou preocupado em excesso, o primeiro passo é o reconhecimento dessas emoções. Após isso, nomear cada um dos sentimentos e entender por que eles surgem, ou se há algum motivo específico para que estejam acontecendo, permite administrá-los de uma maneira mais assertiva. Algumas atividades mais lúdicas são recomendadas de acordo com o gosto de cada pessoa, seja ela pintar, desenhar, escrever ou dançar, mas ela só poderá escolher a que prefere se assumir e entender, de fato, o que sente. 

Para Marcelo Oliveira, coordenador do Ensino Médio do Colégio Ari de Sá, saber o conteúdo em si das matérias é importante e muito valioso. “No entanto, o equilíbrio emocional é quem vai definir, de fato, toda essa preparação. Estamos falando do Enem, um dia que tem uma prova de cinco horas e meia, com uma redação que exige a leitura de textos que precisam ter interpretação, administração do tempo e, depois disso, uma semana para realizar a outra prova. Somente neste intervalo de uma semana, há muitas coisas que podem acontecer, mas é necessário manter o foco para chegar no segundo dia ainda mais preparado e tranquilo”, avalia. 

 

  • Segure a ansiedade no momento de correção da prova

O hábito de muitos alunos em realizar a correção da prova pelo gabarito pode ser prejudicial, caso o aluno não tenha ido tão bem quanto o esperado no primeiro dia, afirma Vinicius Haidar, Gerente de Avaliações e Pré-Universitário no SAS. “Isso pode gerar um sentimento de frustação, que pode refletir no desempenho do estudante no segundo dia de prova.” Portanto, controlar a ansiedade neste momento e deixar para conferir o gabarito apenas após a fase dos vestibulares é a melhor opção. Haidar também comenta que, durante a prova, é melhor que o aluno pule a questão quando não souber e retorne apenas no final, com mais calma. “Lembre-se: acredite em seu potencial e saiba que todos estarão torcendo por você.”

Para acompanhar a programação completa e conteúdos preparatórios gratuitos do SAS Plataforma de Educação, acompanhe o site oficial do #SASNoEnem ou as redes sociais: Portal SAS no EnemFacebook – @SASEducacaoInstagram -@saseducacao e LinkedIn @saseducacao.

Sobre o SAS Plataforma de Educação 

SAS é uma Plataforma de Educação que, há 18 anos, oferece soluções educacionais de forma completa e integrada, para diversas escolas parceiras em todo o Brasil. Seu portfólio de serviços conta com materiais didáticos atualizados anualmente, tecnologia educacional propositiva e engajadora, avaliações digitais e presenciais que geram relatórios diagnósticos para direcionar a aprendizagem, formação de equipe e acompanhamento personalizado com consultores pedagógicos. Ao longo do tempo, as escolas parceiras do SAS vêm formando alunos por todo o Brasil, além de acumular excelentes resultados nos principais exames do país, como o Enem, e estão há 9 anos entre as oito primeiras em aprovação no SISU.

Site: https://saseducacao.com.br/ 

Facebook: facebook.com/SASEducacao/ 

Instagram: instagram.com/saseducacao/ 

Linkedin: linkedin.com/company/saseducacao  

 

Fonte: Edelman.com

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *